Papelaria digital, design gráfico e logomarcas para todo Brasil

orçamento de logotipo

São Paulo (11) 9958-12346

Rio de Janeiro (21) 99954-2027

Solicite orçamento sem compromisso pelo WhatsApp ou pelo email logo@evef.com.br

Homenagem a Beatriz Segall

santinho luto falecimento modelo 108 digital

 

Usando a imagem acima, foi criada a imagem do santinho digital virtual de luto e falecimento da Beatriz Segall:

 

santinho luto falecimento modelo virtual digital

 

Detalhes técnicos do desenho do santinho de luto.

Fonte do tipo de letra usada no nome da homenageada: Edwardian Script ITC

Fonte do tipo de letra usada na mensagem principal: Edwardian Script ITC

Texto usado na mensagem principal: Código 283

A felicidade aparece para aqueles
que choram. Para aqueles que se
machucam. Para aqueles que
buscam e tentam sempre. E para
aqueles que reconhecem a importância
das pessoas que passam por suas vidas.
(Clarice Lispector)

 

Sobre a homenageada

Beatriz de Toledo Segall foi uma atriz brasileira, estreou no cinema em 1941 no filme 24 Horas de Sonho e em 1956 na televisão na telenovela infantil Pollyana. Tornou-se célebre em 1988 ao interpretar a personagem Odete Roitman na novela Vale Tudo.

Em 1997, após Anjo Mau, declarou que não faria mais telenovelas, dedicando-se a partir de então apenas ao teatro e fazendo apenas algumas participações especiais na televisão.

Em 2006 aceitou o convite do autor Bosco Brasil, seu amigo pessoal, para integrar o elenco de Bicho do Mato, na RecordTV, na qual interpretou a amargurada Bárbara, sua última telenovela completa da carreira.

Fez longa carreira, sempre voltada ao teatro e recebeu vários prêmios na carreira pelo teatro, dentre os quais, os prêmios Governador do Estado, Prêmio Shell, Mambembe. Atuou em mais de 40 peças de teatro, dentre elas, Hamlet, Frank V, A Longa Noite de Cristal e Três Mulheres Altas e os monólogos Emily e Lillian.

Em 1953, foi integrante da companhia Os Artistas Unidos, de Henriette Morineau, depois em 1964, passou a integrar o Teatro Oficina e fez parceria em 1986 com o Grupo Tapa.

Na televisão, interpretou personagens que marcaram a história da televisão brasileira, como Lourdes Mesquita, de Água Viva, em 1980 e Odete Roitman em 1988, da Rede Globo, considerada uma das maiores vilãs da história da televisão brasileira, que marcou sua carreira televisiva.

O sucesso da personagem inspira interpretações de vilões de novelas até os tempos atuais. Além disso, o jargão "Quem Matou Odete Roitman?" (referindo-se ao assassinato da personagem) é até hoje repetido em alusão aos mistérios das tramas em telenovelas.

Beatriz revelou em entrevistas que não gostava de falar sobre a personagem, afirmando que, pela popularidade dela, acabava nunca sendo reconhecida por outros trabalhos no teatro e no cinema, e que isso a incomoda muito. Em 2012, atuou na novela Lado a Lado, da Rede Globo, interpretando a personagem Madame Besançon, tendo contracenando com a atriz Camila Pitanga.

Em 11 de abril de 2015, Beatriz retornou a Rede Globo para estrear Os Experientes, uma série em quatro capítulos. No primeiro episódio da série, "Assalto", a atriz interpreta Yolanda, uma senhora de idade que está em uma agência bancária no momento em que esta foi assaltada. Sua personagem divide sua história e experiências com um dos assaltantes.

A atriz morreu em São Paulo em 2018 de causas naturais.


 

Confira aqui outros textos sugeridos para publicar em santinhos de luto e falecimento.

Confira aqui outras imagens de fundo que podem ser aplicadas em modelos de santinhos virtuais digitais.

 


A Agência EVEF trabalha com a criação de modelos de santinhos de luto e falecimento.

Contate-nos via WhatsApp e solicite um orçamento para receber a sua imagem personalizada e arquivo PDF do santinho digital (virtual).