orçamento de logotipo(11) 9958-12346

Precisa de um nome fantasia ou desenho de logomarca para a sua empresa? 

Receba as sugestões em seu WhatsApp e em@il:

(11) 9958-12346 - Solicite orçamento sem compromisso


Logo das associações e entidades do agronegócio no Brasil

Índice de Artigos

 

Confira nesse artigo os desenhos de logotipos das principais associações e entidades do agronegócio no Brasil.

Foram publicados os desenhos ligados à agricultura, pecuária e à indústria de processamento de alimentos.

Esse artigo tem o objetivo didático de inspirar desenhistas e novos empresários do setor do agronegócio no momento em que vão criar novos desenhos de logotipos. Não recomendamos copiar os desenhos exibidos nesse artigo, pois a intenção ao exibir esses desenhos é descobrir quais foram as cores mais usadas na comunicação visual das entidades do agronegócio no Brasil. Além disso, a maioria dos desenhos exibidos nesse artigo estão protegidos pela legislação dos direitos autorais e direito de marca.

Observe as características de tipo de letras, se elas utilizam as cores azul e verde com mais frequência (cores ligadas ao campo e ao produtor rural), e observe também os desenhos de seus símbolos de identificação da logomarca. Vamos começar pela Associação Brasileira dos Produtores de Sementes de Soja:

 

 

logotipo abrass produtor rural soja agro fazenda

www.abrass.org.br

A Associação Brasileira dos Produtores de Sementes de Soja foi fundada em 2012 com o objetivo de congregar em uma Entidade de classe os multiplicadores de sementes de soja de todo o Brasil, criando um ambiente institucional e multidisciplinar que fortalece a produção de sementes de soja, valoriza a atividade e seu produto final, revertendo benefícios para toda a cadeia produtiva da soja.

A ABRASS tem sede em Brasília/DF e atua em prol das boas práticas na produção de sementes, regulamentação jurídica, marcos legais, difusão de produtos que levem competitividade ao agricultor, aperfeiçoamento de instrumentos de políticas públicas e outras frentes de desenvolvimento da cadeia produtiva.

O maior patrimônio da ABRASS reside em seu corpo de associados, distribuídos por 11 estados e no Distrito Federal, representando mais de 50% da produção de sementes de soja do país

 logotipo aprosoja produtor rural fazenda agro

www.aprosojabrasil.com.br

A Associação Brasileira de Produtores de Soja, incialmente chamada de Abrasoja, foi fundada em 11 de março de 1990 por iniciativa de produtores de diferentes regiões do Brasil diante de um período de dificuldades enfrentadas pelo setor, o que levou a entidade a lançar o documento “Alerta à Nação”, na qual defendia a renegociação das dívidas dos produtores e a valorização do setor.

A entidade foi renomeada em 2001 para Aprosoja e, em 2004, tornou-se definitivamente a Aprosoja Brasil, embora sua atividade estivesse restrita a poucos produtores.

logomarca abiarroz produtor rural arroz agronegocio fazenda

www.abiarroz.com.br

Criada em 06 de março de 2009, a Abiarroz tem por objetivo representar o segmento industrial orizícola nacionalmente, em seus interesses junto às diversas esferas de poder.

A entidade é fruto do empenho do Sindicato da Indústria do Arroz no Estado do Rio Grande do Sul - Sindarroz-RS, Sindicato da Indústria do Arroz no Estado de Santa Catarina - Sindarroz-SC, Sindicato da Indústria de Arroz de Pelotas - Sindapel, Associação Brasileira das Indústrias de Arroz Parboilizado - Abiap, Associação das Indústrias de Beneficiamento de Arroz de Santa Cruz do Rio Pardo - ABASC, e do engajamento de algumas empresas privadas que, unidos, concretizaram o ideal de criação de uma entidade nacional representativa do setor industrial orizícola.

www.abiap.com.br

logomarca selo arroz produtor rural abiapA Associação Brasileira das Indústrias de Arroz Parboilizado (Abiap) reúne as principais empresas do setor que trabalham com tecnologia de ponta e que produzem dentro dos padrões internacionais de qualidade. A Abiap incentiva a produção altamente qualificada e orienta suas associadas sobre a comercialização do produto no mercado interno e externo.

Dentre as principais ações da Abiap, destaca-se a certificação de produção. O selo da Abiap é um certificado de qualidade, concedido às empresas que atuam de acordo com as normas estabelecidas pela entidade.

logotipo cogumelo produtor rural fungicultura

www.anpccogumelos.org

A Associação Nacional dos Produtores de Cogumelos - ANPC é a entidade nacional que representa e defende os interesses da cadeia produtiva de cogumelos, em âmbito nacional e internacional.

Fundada em 10 de abril de 2012, a ANPC é composta por micro, pequenos e grandes produtores dos diversos elos da cadeia produtiva de cogumelos e os seus associados estão distribuídos em vários Estados do Brasil.

 logotipo instituto do feijao agro produtor rural

www.ibrafe.org

O Instituto Brasileiro do Feijão e dos Pulses – IBRAFE – é a única entidade que representa e desenvolve os interesses da Cadeia Produtiva do Feijão e dos Pulses e, também, reúne os maiores apaixonados pela cultura do Feijão.

O IBRAFE tem por finalidade o acesso, a centralização, o estímulo e a divulgação da ciência e da tecnologia que beneficiem a cadeia do Feijão. Para isso, inspira e incentiva a pesquisa científica e a tecnológica, norteia e divulga pesquisas agronômicas, reivindica apoio para o setor junto a órgãos públicos e privados, nacionais ou internacionais, apoiando seus membros com um sistema integrado de informações de mercado, organiza cursos, seminários, fóruns, etc. que promovem produção e consumo, apoia e é um dos fundadores do CBFP – Conselho Brasileiro do Feijão e Pulses –, além de outras ações. Desde os setores de pesquisa até o consumidor final, o IBRAFE busca fortalecer todos os elos da cadeia do Feijão no Brasil.

Pulses são as leguminosas secas e no Brasil temos o Feijão, a ervilha, a lentilha e o grão-de-bico. Assim, Pulses são as sementes secas comestíveis dessas leguminosas. A palavra Pulse vem do latim Puls, literalmente significando “sopa grossa”.

www.abrafe.org.br

Associação Brasileira de Feijões e Legumes Secos

logomarca associacao instituto do feijao agro produtor ruralA ABRAFE foi fundada em 03 de agosto de 2016, pela necessidade do setor em organizar a cadeia produtiva dos feijões e pulses desde o campo até o consumidor final, surgiu abrangendo todo segmento desde os produtores de grãos e sementes, transportadores, corretores, embaladores, mercados entre outros, tendo em vista ser uma entidade nacional representativa de todo setor feijoeiro.

Sediada em São Paulo, tem como foco nomear em cada Estado da União bem como no Distrito Federal suas vice-presidências, que serão os braços coorporativos da entidade, encarregadas de pontual as demandas do setor em cada região do País, pois como e sabido a cultura do feijão descentralizou para diversas partes do território nacional, cada uma delas com suas particularidades e costumes.

 

logomarca associacao fazenda produtor rural fruta agro

www.abrafrutas.org

A Associação Brasileira dos Produtores Exportadores de Frutas e Derivados (Abrafrutas) é uma associação sem fins lucrativos que tem por finalidade representar e promover a fruticultura brasileira frente ao mercado internacional.

Criada em 2014, a Abrafrutas conta com aproximadamente 70 associados produtores exportadores de frutas e detém aproximadamente 85% do volume total das frutas frescas exportadas pelo Brasil. Além disso, possui uma parceria institucional com a Confederação de Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA) e o Instituto CNA (ICNA), congregando os produtores e beneficiadores exportadores de frutas frescas e processadas. Através de suas empresas associadas tem como objetivo aprimorar a comercialização, executar campanhas institucionais de divulgação e promoção comercial.

logomarca associacao produtor rural fazenda cebola

www.anacebrasil.com.br

Associação Nacional dos Produtores de Cebola

A ANACE é a entidade máxima de representação dos cebolicultores brasileiros. Foi fundada em 14 de outubro de 1993, na cidade de São José do Rio Prado, no interior de São Paulo, por produtores da região, entre eles Kogi Fugita, o primeiro presidente da entidade. De lá pra cá outros importantes nomes deram continuidade ao trabalho daqueles pioneiros, tais como: sr. Malomar, Joao Hororatto Nascimento Castro, Almir Schaffer, Antônio Carlos Pargano e, agora, Rafael Joge Corsino.

Da sua terra natal, em São José do Rio Prado, a associação migrou para São José do Norte (RS), Ituporanga (SC) e atualmente sua sede está fixada em Brasília, Capital Federal.

Desde a instituição, a ANACE tem como missão defender os direitos e interesses dos produtores de cebola e a colaboração com os Poderes Públicos, no estudo e solução das questões que se relacionem com a produção, comercialização, industrialização da cebolas, visando o aperfeiçoamento e desenvolvimento da cultura.

logotipo associacao cooperativa fazendeiro produtor alho agro

www.anapa.com.br

ANAPA - Associação Nacional dos Produtores de Alho

A ANAPA é a entidade máxima de representação do produtores de alho do Brasil. Constituída no final dos anos 70, em Gouveia/MG, foi idealizada pelo agrônomo Sergio Mario Regina, na mesma época em que foi implementado, no Brasil, o plano de auto-suficiência da cultura do alho. Inicialmente a ANAPA foi comandada por técnicos da Emater-MG, depois da Epagri-SC e mais tarde por produtores de alho, como o Takashi Chonan, Bercílio da Silva, Gilmar Dallamaria e Jorge Kiryu. Agora, a administração da associação segue com Rafael Jorge Corsino (presidente) e Olir Schiavenin (vice-presidente).

Desde sua fundação, a ANAPA tem como missão organizar os produtores e a produção de alho, fortalecer e defender os interesses do setor, especialmente na questão da política agrícola. Com o fortalecimento institucional e político, a associação passou a atuar com mais eficiência no setor político de defesa comercial do setor alheiro, com destaque aos processos de antidumping e no controle de qualidade do produto. A instituição também tem atuado na viabilização de recursos para a pesquisa e extensão rural, aumento da produção, divulgação das qualidades do alho como alimento, abastecimento, entre outros.

logomarca cooperativa produtor rural batata agro

www.abbabatatabrasileira.com.br

A Associação Brasileira da Batata (ABBA) foi fundada, em 28 de agosto de 1997, por meio da iniciativa de alguns agricultores oriundos de diversas regiões produtoras do Brasil.

A necessidade de se criar uma associação teve como objetivo a busca pela sustentabilidade e pela modernização da Cadeia Brasileira da Batata, diante das grandes mudanças provocadas pela globalização. Inicialmente, a ABBA era composta por dez associações regionais de produtores de batatas, localizadas em Santa Catarina, Paraná, São Paulo e Minas Gerais que, por diversos motivos, encerraram as atividades.

Atualmente, a ABBA é composta por produtores – que representam mais de 50% da produção nacional de batatas, por empresas fornecedoras de insumos e por pesquisadores de importantes instituições de ensino e pesquisa do Brasil.

A sustentabilidade econômica da ABBA é proveniente da contribuição voluntária dos produtores e das empresas parceiras, apoiada pela ajuda técnica e científica dos colaboradores. A sobrevivência e a evolução da ABBA são resultados da dedicação, honestidade, confiança, apoio e competência de todos que ingressam na associação e permanecem até os dias atuais.

logomarca associacao cooperativa produtor rural hortalica

www.abhorticultura.com.br

A Associação Brasileira de Horticultura (ABH) é uma entidade com reconhecimento de Utilidade Pública pelo Ministério da Justiça, ao qual anualmente presta relatório das atividades realizadas, cumprindo dispositivo legal. Foi fundada em Viçosa, MG, em 1961, com objetivo de congregar todas as pessoas e entidades que têm interesses voltados à Olericultura.

Desde a sua fundação a Associação realizou anualmente os Congressos Nacionais de Olericultura com o objetivo de congregar os profissionais do Ensino, da Pesquisa, da Assistência Técnica, Extensão Rural e Agroindústria. Estudantes e produtores rurais têm participado, além das Entidades que têm a Olericultura como interesse comum. A integração e a parceria são básicas para o desenvolvimento e progresso da Olericultura (cultivo de legumes).

 

 

 

logotipo confederacao agricultura cna

www.cnabrasil.org.br

O Sistema CNA é composto por três entidades: a Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA), que representa os produtores rurais brasileiros de pequeno, médio e grande portes, o Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (SENAR) que atua como um instrumento para Formação Profissional Rural e Promoção Social e qualidade de vida de homens e mulheres do campo e o Instituto CNA que desenvolve estudos e pesquisas na área social e no agronegócio.

O Sistema funciona da seguinte forma: as Federações da Agricultura e Pecuária atendem os Estados e representam os Sindicatos Rurais, que por sua vez, desenvolvem ações diretas de apoio ao produtor rural, buscando soluções para os problemas locais. E a CNA defende os interesses dos produtores junto ao Governo Federal, ao Congresso Nacional e aos tribunais superiores do poder Judiciário, nos quais dificilmente um produtor, sozinho, conseguiria obter respostas para as suas demandas.

 

 

 

 logomarca embrapa agricultura pecuaria brasil

www.embrapa.br

A Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa) foi criada em 26 de abril de 1973 e é vinculada ao Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa). Desde a criação, assumiu um desafio: desenvolver, em conjunto com os parceiros do Sistema Nacional de Pesquisa Agropecuária (SNPA), um modelo de agricultura e pecuária tropical genuinamente brasileiro, superando as barreiras que limitavam a produção de alimentos, fibras e energia no nosso País.

Esse esforço ajudou a transformar o Brasil. Hoje a nossa agropecuária é uma das mais eficientes e sustentáveis do planeta. Incorporamos uma larga área de terras degradadas dos cerrados aos sistemas produtivos. Uma região que hoje é responsável por quase 50% da nossa produção de grãos. Quadruplicamos a oferta de carne bovina e suína e ampliamos em 22 vezes a oferta de frango. Essas são algumas das conquistas que tiraram o País de uma condição de importador de alimentos básicos para a condição de um dos maiores produtores e exportadores mundiais.

www.youtube.com/watch?v=52IwxxpNSls

 

 

 

logotipo irga instituto do arroz agricultura

https://irga.rs.gov.br

O Instituto Rio Grandense do Arroz (Irga) é uma entidade pública, como autarquia administrativa do Estado do Rio Grande do Sul, subordinada à Secretaria Estadual de Agricultura, Pecuária e Desenvolvimento Rural, mas com independência administrativa, financeira e orçamentária. Sua finalidade é promover o desenvolvimento sustentável do setor orizícola do Rio Grande do Sul por meio da geração e da difusão de conhecimentos, de informações e de tecnologias, bem como propor políticas de interesse setorial e do consumidor.

Entre os principais serviços prestados pelo Irga estão: Análise de solo, água e sementes; Produção e distribuição de sementes básicas; Divulgação diária da previsão do tempo para todo o RS; Planejamento de lavouras; Projeto de sistematização do solo; Promoção de palestras, cursos e seminários; Incentivo ao consumo do arroz; Publicação da revista Lavoura Arrozeira; Licenciamento de cultivares de arroz e soja; Divulgação dos números das safras e da taxa CDO; Promoção de Dias de Campo; e Manutenção de Biblioteca com amplo material de pesquisa.

 

 

 

 

logotipo abag agronegocio

www.abag.com.br

A Associação Brasileira do Agronegócio (ABAG) foi criada em 10 de março de 1993. A apresentação oficial da ABAG ocorreu no Congresso Nacional, em Brasília, pelo Presidente-fundador, Ney Bittencourt de Araújo, um visionário e apaixonado pelo agronegócio brasileiro. Na ocasião ele destacou os quatro grandes problemas do país, nos quais o agronegócio poderia contribuir para solucionar:

  • Organização do processo de desenvolvimento sustentado;
  • Integração à economia internacional;
  • Eliminação das profundas desigualdades de renda e dos bolsões de miséria;
  • Respeito ao meio ambiente.

 

 

logo bsca produtor rural cafe do brasil agro

www.bsca.com.br

Em 1991, atentos às mudanças no mercado e com visão além de seu tempo, 12 pioneiros e empreendedores começaram a vislumbrar novas oportunidades comerciais ao investir em qualidade do café e fundaram a Associação Brasileira de Cafés Especiais (BSCA, sigla em inglês). A BSCA congrega pessoas físicas e jurídicas nos mercados interno e externo de cafés especiais, e busca difundir e estimular o aprimoramento técnico na produção, comercialização e industrialização desses produtos, além de promover, principalmente nas áreas cafeeiras, a preservação do meio ambiente e o desenvolvimento ambiental sustentável através de programas, projetos e parcerias com entidades públicas e privadas, nacionais e estrangeiras.

A BSCA tem por finalidade, através de parcerias para pesquisas, difusão de técnicas de controle de qualidade e com as promoções de produtos, elevar os padrões de excelência dos cafés brasileiros oferecidos nos mercados interno e externo. É a única instituição brasileira a certificar lotes que podem ser monitorados através de selos de controle de qualidade de cafés especiais, com rastreabilidade total através de numeração individual, cujas consultas são disponibilizadas pela BSCA aos consumidores.

 

 

 logomarca abcsem comercio sementes e mudas agro

www.abcsem.com.br

A Associação Brasileira de Sementes e Mudas é uma sociedade civil sem fins lucrativos, que representa, assiste, orienta e une os comerciantes de sementes e mudas de todo o Brasil. Congrega empresas que representam mais de 80% do mercado interno de sementes e mudas de hortaliças, flores e ornamentais do país; sendo que mais de 95% das empresas de sementes de hortaliças presentes no Brasil são associadas;

 

logomarca associacao brasileira armazenagem agronegociowww.abcao.org.br

Fundada em 22 de outubro de 1985, em Belo Horizonte, a Associação Brasileira de Companhias Armazenadoras Oficiais nasceu com a finalidade básica de representar e defender os interesses e direitos das empresas oficiais de armazenagem, tanto no âmbito técnico, quanto social e econômico. Atendendo apelos dos armazenadores particulares e até de empresas ligadas ao setor, a entidade, que apenas congregava empresas oficiais de armazenagem, passou posteriormente a denominar-se Associação Brasileira de Armazenagem- ABCAO e a possibilitar o ingresso de entidades ligadas à iniciativa privada.

Entre as finalidades da ABCAO constam: reunir, auscultar, representar e defender os interesses e direitos de suas associadas, no terreno técnico, social, econômico, além de promover o intercâmbio de conhecimentos com a realização de debates, conferências, reuniões, cursos e congressos.

 

 

simbolo milho

www.abms.org.br

A Associação Brasileira de Milho e Sorgo (ABMS) foi criada no dia 18 de agosto de 1986, durante a Assembleia Geral Ordinária do XVI Congresso Nacional de Milho e Sorgo (CNMS) realizada em 18 de agosto de 1986, no Centro de Convenções Israel Pinheiro (Minascentro), e Belo Horizonte, MG. 

Congregando profissionais interessados nas culturas de milho e sorgo, a ABMS se propõe a desenvolver um trabalho com objetivos amplos: aumento da produção, da produtividade e do consumo desses cereais no País.

 

 

 

abpm produtor rural maca fruta logomarca 

www.abpm.org.br

A Associação Brasileira de Produtores de Maçã (ABPM) foi criada em Porto Alegre, em 31 de janeiro de 1978. Na época em que foi fundada, cerca de 95% das maçãs ingeridas pelo brasileiro eram importadas. Isso tornava o consumo da fruta elitizado e implicava também na transferência de muitas riquezas para o exterior, já que, em relação à importação de alimentos, apenas o trigo superava a maçã.

Os objetivos da ABPM desde então consistem em: estimular a pesquisa para o desenvolvimento de pacotes tecnológicos para produção de maçã dentro das condições climáticas brasileiras; fomentar o investimento na implantação de pomares e packing-houses (espaços para processamento e embalagem pós-colheita); promover e popularizar o consumo da maçã nacional no Brasil.

Depois de quase 40 anos, o Brasil possui cerca de 33 mil hectares de pomares de maçã, uma produção anual próxima a 1,35 milhões de toneladas, com geração de R$ 6 bilhões em riquezas para o País e mais de 150 mil empregos diretos e indiretos. Atualmente, a cada dez maçãs consumidas no Brasil, nove são nacionais. A fruta é a terceira de maior consumo no País, de acordo com o IBGE.

Segundo a Organização das Nações Unidas para Agricultura e Alimentação (FAO), o Brasil está entre os 12 maiores produtores de maçã do mundo. De grande importador que éramos quando a ABPM foi fundada, passamos a ser um grande exportador – chegamos a exportar anualmente para mais de 40 países.

Desde 1992, a sede da ABPM está localizada em Fraiburgo (SC).

 

 

logotipo laranja citricultura fruta produtor rural

www.citrusbr.com

A CitrusBR foi fundada em junho de 2009 pelos maiores produtores e exportadores brasileiros de sucos cítricos e seus derivados: Cutrale, Citrosuco e Louis Dreyfus.

Sua principal finalidade é defender os interesses coletivos dos exportadores de cítricos em escala nacional e internacional, monitorando questões de comércio internacional; lutando pela eliminação de barreiras comerciais; atuando na defesa de interesses institucionais; apoiando estudos técnicos para encontrar soluções e alternativas para os problemas do setor; interagindo com outras entidades do agronegócio; promovendo o consumo de suco e principalmente promovendo a imagem do setor por meio da divulgação de informações claras e transparentes.

 

www.biocana.com.br

A Biocana – Associação de Produtores de Açúcar, Etanol e Energia é uma sociedade civil sem fins lucrativos que representa grandes players do setor sucroenergético. Foi fundada em 1994 e tem sede em Catanduva, noroeste do estado de São Paulo. As principais atividades da entidade são a permanente discussão e a busca de soluções corporativas visando o desenvolvimento de políticas e projetos que atendam as necessidades de suas empresas associadas. Um trabalho sempre pautado no respeito às questões ambientais, promoção social e desenvolvimento econômico.

Entre as principais diretrizes da Associação, estão a profissionalização do setor e a capacitação de pessoas. Além disso, também é meta da Biocana desenvolver trabalhos que busquem alternativas para os gargalos da logística, além de cumprir uma ambiciosa agenda socioambiental, com ações efetivas em questões como a certificação de produtos e a responsabilidade do setor como um todo.

É objetivo da instituição, ainda, trabalhar intensamente para atender as necessidades das associadas nos campos da sustentabilidade das ações, comunicação com a comunidade e fortalecimento de toda a cadeia produtiva, visando garantir o abastecimento do etanol combustível no mercado interno e manter a oferta do açúcar no mercado internacional

Paralelamente a isso, a Biocana desenvolve projetos educacionais voltados aos jovens que estão em busca do primeiro emprego e profissionais do setor sucroenergético, a fim de promover a capacitação para o trabalho, cidadania e consciência ambiental. A entidade também se sobressai com decisiva atuação em todas as atividades de fundo social e humanitário.

 

 logomarca associacao produtor rural azeitona oliveira

www.oliva.org.br

Associação Brasileira de Produtores, Importadores e Comerciantes de Azeite de Oliveira - OLIVA

Somos uma sociedade civil, sem fins lucrativos, de âmbito nacional, que congrega produtores, importadores, distribuidores, comerciantes e entidades interessadas no desenvolvimento do mercado de azeites no Brasil.

Em atividade desde 2001, trabalhamos na ampliação e divulgação do conhecimento da cultura do azeite, além do monitoramento dos produtos comercializados no país visando preservar a autenticidade deste rico alimento.

logotipo associacao produtor rural azeitona oliveira

www.ibraoliva.com.br

Instituto Brasileiro de Olivicultura - IBRAOLIVA

O IBRAOLIVA foi criado para unir os olivicultores brasileiros e demais atores da cadeia oleícola, com a finalidade de promover o desenvolvimento, o fortalecimento e a competitividade da olivicultura no Brasil.

É uma associação sem fins econômicos, constituída por pessoas físicas e jurídicas ligadas à cadeia produtiva da olivicultura em todo o Brasil, que se dediquem ao cultivo de oliveiras, mudas, produção e industrialização de azeitonas, azeites e subprodutos da olivicultura.

 

logotipo feplana produtor rural cana acucar agro

www.feplana.com.br

FEPLANA - Federação dos Plantadores de Cana do Brasil

A Federação dos Plantadores de Cana do Brasil, conhecida em todo o País como FEPLANA, foi fundada em 12 de agosto de 1941 e congrega hoje trinta e uma associações de produtores e fornecedores de cana-de-açúcar, distribuídas por treze Estados brasileiros. Essas associações, por sua vez, representam interesses de aproximadamente sessenta mil produtores e fornecedores de cana destinada às indústrias fabricantes de açúcar e álcool.

A FEPLANA é a única entidade de classe do setor sucroalcooleiro contemplada, nominalmente, pela legislação brasileira. Ou seja, é o órgão que representa, exclusiva e oficialmente, as suas associadas a nível nacional.

Como sociedade civil de responsabilidade limitada e sem fins lucrativos, tem sua sede na cidade de Brasília-DF, e é dirigida pelos associados de suas filiadas. Trata-se, portanto, de um órgão nacional de representação, coordenação e defesa da categoria econômica.

logotipo unica produtor rural cana acucar agronegocio

www.unica.com.br

A UNICA – União da Indústria de Cana-de-Açúcar – é a entidade representativa das principais unidades produtoras de açúcar, etanol (álcool combustível) e bioeletricidade da região Centro-Sul do Brasil, principalmente do Estado de São Paulo.

Sua criação, em 1997 resultou da fusão de diversas organizações setoriais do estado de São Paulo, após a desregulamentação do setor no País. A associação se expressa e atua em sintonia com os interesses dos produtores de açúcar, etanol e bioeletricidade tanto no Brasil como ao redor do mundo.

A UNICA é gerida por um Conselho Deliberativo, integrado por representantes de suas associadas e uma equipe de experientes executivos, especialistas e consultores técnicos, dedicados em tempo integral. O domínio técnico da UNICA compreende as áreas de meio ambiente, energia, tecnologia, comércio exterior, responsabilidade social corporativa, sustentabilidade, legislação, economia e comunicação.

 

 

 


 

logomarca associacao criadores brahman pecuaria

www.brahman.com.br

A Associação dos Criadores de Brahman do Brasil (ACBB) é uma entidade de fomento e promoção da Raça Brahman, registrada no Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento sob o número PR 24-3A.

Criada em abril de 1993, com o nome de Associação Brasileira dos Criadores de Brahman (ABCB), por pecuaristas e pessoas ligadas ao setor interessados em realizar a primeira importação de animais Brahman para o Brasil, a ABCB teve papel determinante na bem-sucedida história da Raça no país.

Cerca de um ano após a criação da então ABCB, em 06 de maio de 1994, foram registrados pela Associação Brasileira dos Criadores de Zebu (ABCZ), os primeiros dois animais Brahman que deram início a formação do plantel nacional. O primeiro macho registrado naquela data foi o touro Macho JJ Ring Didor. Este touro, de origem norte-americana foi o primeiro animal Brahman a desembarcar no Brasil. Já a matriz Remansada 222, de origem paraguaia, foi a primeira fêmea Brahman registrada pela ABCZ no país.

Em outubro de 1998, na sede da Associação Brasileira dos Criadores de Zebu (ABCZ), em Uberaba/MG, a ABCB passou a se chamar Associação dos Criadores de Brahman do Brasil (ACBB).

 

 

 

www.angus.org.br

logomarca raca angus criador associacao pecuariaA Associação Brasileira de Angus surgiu da união de um grupo de jovens pecuaristas da região de Uruguaiana, no Pampa do Rio Grande do Sul. Visionários e apaixonados pela raça, e com a convicção da revolução que ela poderia trazer à pecuária, tinham como missão cativar interessados em povoar os campos com a nova raça. Deram início, em 1963, a um movimento que, primeiramente, foi chamado de Angus Brasil, que era o embrião do que mais tarde viria a se consolidar como Associação Brasileira de Angus, uma das entidades mais respeitadas do agronegócio brasileiro.

Ao longo dos anos, a Angus rompeu as fronteiras do Rio Grande do Sul e ganhou campos Brasil afora. Atualmente, a Associação Brasileira de Angus está presenta com seu corpo técnico nas cinco regiões do país e consolida-se como a raça que mais vende sêmen no Brasil. O Programa Carne Angus Certificada, lançado em 2003, levou os valores da raça ao conhecimento do consumidor e difundiu a marca Angus no varejo.

 

 

logomarca associacao criador gado bovino raca holandes 

www.gadoholandes.com.br

A Associação Brasileira dos Criadores de Bovinos da Raça Holandesa representa a Raça Holandesa perante o MAPA e garante às filiadas apoio para que os associados tenham acesso aos serviços de registro genealógico, controle leiteiro, classificação linear e unir produtores e entidades para fortalecer a Raça Holandesa.

 

 

 

 

logotipo associacao criadores gado pardo suico pecuaria

www.pardo-suico.com.br

Associação Brasileira de Criadores de Gado Pardo-Suíço-ABCGPS foi fundada em 23 de maio de 1938, com a finalidade de controlar e registrar animais da raça Pardo-Suíça, sob supervisão do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento.

Foram registrados desde a fundação até hoje mais de 252.000 animais, e temos hoje no Brasil, aproximadamente 65.000 animais vivos. A raça Pardo-Suíça possui duas linhagens bastante distintas, para duas especializações diferentes, uma linhagem excelente produtora de leite e outra excelente produtora de carne.

Temos ainda alguns criadores que optaram por continuar criando animais de dupla aptidão, onde mantém a rusticidade e conseguem produções mais amenas, comparado com as linhagens distintas.

Estamos situados em São Paulo, no Parque da Água Branca, temos hoje aproximadamente 300 sócios, distribuídos por quase todos os estados.

A ABCGPS registra animais Puros de Origens, Puros por Cruza e Mestiços, orienta os sócios no acasalamento, manejo, alimentação e na comercialização de seus animais.

 

 

logomarca nelore gado produtor rural associacao cooperativa

www.nelore.org.br

A Associação dos Criadores de Nelore do Brasil - ACNB é uma entidade sem fins lucrativos fundada em 7 de abril de 1954. Sua sede está localizada na capital paulista. Possui ainda um escritório no Parque de Exposições Fernando Costa, em Uberaba/MG. Tem por finalidade integrar criadores, invernistas e demais pecuaristas em torno de um objetivo comum: fortalecer e defender a raça que representa 80% do rebanho de corte nacional. A pujança da entidade é reflexo da versatilidade, capacidade de adaptação e potencial produtivo da raça e de seus criadores.

logomarca associacao apicultores mel nacional produtor rural

www.brazilletsbee.com.br

A ABEMEL - Associação Brasileira dos Exportadores de Mel, fundada em 15 de agosto de 2003, é a entidade com maior representatividade das empresas beneficiadoras e exportadoras de produtos apícolas do Brasil.

Trabalha para otimizar o desempenho das exportações setoriais, facilitando o acesso aos mercados e negociações com toda cadeia produtiva. Atua como membro ativo na Câmara Setorial da Cadeia Produtiva do Mel e produtos Apícolas, interligando-se com os poderes públicos.

A principal missão é promover a internacionalização competitiva da apicultura brasileira e o desenvolvimento do mercado interno de forma equilibrada, inovadora, justa e ética, propiciando aos associados o suporte estratégico para a realização de negócios e a conquista de posições sólidas e lucrativas nos principais mercados mundiais.

 

 

 

logomarca uniao nacional industria carne

www.uniec.com.br

A União Nacional da Indústria e Empresas da Carne (UNIEC) é uma associação civil, com âmbito nacional, sem fins lucrativos que congrega empresas ligadas à cadeia agroindustrial da carne no Brasil.

A UNIEC foi fundada em 1º de março de 2007, como União das Indústrias Exportadoras de Carne do Estado do Pará, pela decisão de um grupo de dinâmicos empresários interessados em fortalecer o setor e alcançar novos mercados.

 

 

logo associacao brasileira criador pecuarista agro

www.abccriadores.com.br

Com 91 anos de vida, a ABC é reconhecida pelos relevantes serviços prestados ao desenvolvimento da pecuária nacional e sua história, em alguns momentos, mescla-se com a história do Brasil e de São Paulo. Desde 1926, agrega e representa empresários e profissionais dedicados à produção animal. Nesse período de sete décadas e meia contribuiu para o avanço técnico da pecuária, defendeu os interesses dos produtores e constituiu um valioso patrimônio imobiliário. Foi uma das primeiras associações de natureza rural a serem criadas no Brasil.

 

 logotipo associacao brasileira proteina animal

www.abpa-br.org

A Associação Brasileira de Proteína Animal (ABPA) é a organização institucional nacional da avicultura e da suinocultura do Brasil. Tem como missão representar os setores em foros nacionais e internacionais zelando pela qualidade, sanidade e sustentabilidade dos produtos, promovendo a integração de toda a cadeia produtiva.

 

 

logo vetor piscicultura produtor associacao cooperativa

www.peixebr.com.br

A PEIXE BR resulta da fusão da Associação Brasileira da Indústria de Processamento de Tilápia (AB Tilápia) e da Associação Brasileira dos Produtores de Tilápia e concentra suas atividades na atividade de peixes cultivados.

A PEIXE BR começa as atividades com as maiores empresas do negócio e entidades de âmbito regional. Os parceiros estão localizados nos principais estados produtores de pescado. Nestes estados estão mais de 80% do negócio de peixes cultivados no Brasil. Paralelamente, a entidade realiza trabalho de atração de novas empresas para ampliar ainda mais sua representatividade.

logotipo abcs criadores de suinos

www.abcs.org.br

A história da Associação Brasileira dos Criadores de Suínos (ABCS) teve início em 13 de novembro de 1955, em Estrela (RS) e foi marcada por um significativo e intenso trabalho de melhoramento do rebanho de suínos no Brasil, quando iniciou a transformação do porco tipo banha em tipo carne, através da introdução de raças puras já selecionadas para produzir menos gordura e mais carne.

Desde 2005, a ABCS conta com a sede executiva em Brasília (DF), onde estão localizados o trabalho administrativo e as equipes de política, técnico e marketing. Com essa mudança, foram desenvolvidos muitos os programas e iniciativas criados pela associação, parcerias com importantes parceiros como o Sebrae, Senar e com as associações afiliadas que compõem o Sistema ABCS.

Nos últimos anos, a entidade também fortificou seu elo com a Frente Parlamentar da Agropecuária e também com o Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA). Essa aproximação possibilitou a entidade ser atendida em suas reivindicações ao setor.

logomarca associacao cooperativa produtor camarao

www.abccam.com.br

Associação Brasileira de Criadores de Camarão – ABCC

A Associação Brasileira de Criadores de Camarão é uma sociedade civil sem fins econômicos, com abrangência em todo o território nacional, com prazo de duração indeterminado, que se rege pelo presente Estatuto e pelo Regimento Interno; baseados na legislação civil em vigor, tendo sede e foro a Cidade de Natal, Capital do Estado do Rio Grande do Norte, podendo instalar seções em qualquer ponto de sua área de abrangência.

logo vetor associacao pecuaria criador bufalo

www.bufalo.com.br

Fundada em 1960, a Associação Brasileira de Criadores de Búfalos (ABCB) congrega hoje 80 associados em todo o território nacional e vem se fortalecendo a cada ano, com o crescimento do mercado de búfalos no País.

O objetivo da entidade é incentivar a bubalinocultura brasileira, defendendo os interesses dos criadores de búfalos e promovendo a união de seus associados nas atividades que tenham como fim o aprimoramento técnico-científico da espécie e o incremento do mercado interno e externo.

O rebanho bubalino hoje no Brasil conta com cerca de 3 milhões de animais, representando 1,4 % do rebanho bovino – hoje com 212 milhões de cabeças. No entanto, o País já concentra o maior rebanho de búfalos do Ocidente, o que mostra um grande potencial de mercado. Atualmente, aproximadamente 30% das criações são destinadas à produção de leite e, nos últimos anos, o rebanho leiteiro tem crescido a uma taxa de 45%.

Para preparar associados e criadores para este crescimento constante do mercado, a ABCB disponibiliza por meio de suas ações, apoio ao criador; união de pecuaristas em núcleos regionais; orientação técnica da produção; auxílio na comercialização; serviço de registros genealógicos, com desconto aos associados efetivos; desenvolvimento das provas zootécnicas; promoção de eventos como feiras, simpósios, palestras, encontros e seminários; cursos diversificados; envio de boletim informativo aos associados com principais assuntos em voga e ainda lista de discussões sobre a bubalinocultura.

 

 


 

 

 

logomarca associacao produtor industria trigo agro

www.abip.org.br

A Associação Brasileira da Indústria de Panificação e Confeitaria – ABIP é uma sociedade civil de direito privado, fundada em 15 de novembro de 1957, sem fins lucrativos e duração ilimitada. Atua em todo o território nacional, através dos sindicatos, associações e institutos de Panificação e Confeitaria filiados. A entidade representa, através de suas filiadas, 70 mil padarias, das quais cerca de 95% são micro e pequenas empresas familiares, que geram 920 mil empregos diretos e 1,6 milhão de forma indireta. O setor tem 105 mil empresários e um faturamento de R$ 92,63 bilhões, cálculo atualizado em 2018.

A Associação tem por finalidade a coordenação e defesa da classe dos industriais da panificação e confeitaria constituídos em todo o território nacional e o intuito de colaboração com os Poderes Públicos e as demais Associações, no sentido de solidariedade social.

 

 

logomarca associacao produtores leite fazenda leiteira

www.vivalacteos.org.br

A Viva Lácteos – Associação Brasileira de Laticínios é uma entidade que representa a indústria de lácteos e reúne 37 dos principais fabricantes e associações do setor no Brasil. Juntos os associados da Viva Lácteos são responsáveis por 70% da produção de leite e derivados no país, incluindo iogurtes, queijos e requeijões.

 

 

logomarca associacao industria trigo biscoito massas agro

www.abimapi.com.br

Uma das maiores associações alimentícias do País, a ABIMAPI representa 104 empresas que detêm cerca de 80% do setor e geram mais de 100 mil empregos diretos. Só no Brasil, responde por um terço do consumo nacional de farinha de trigo. Como interlocutora junto ao governo, à mídia, a pesquisadores e às demais entidades, sua missão é fortalecer e consolidar as categorias de biscoito, macarrão, pão e bolo industrializados nos cenários nacional e internacional.

www.youtube.com/watch?v=FSy4Fu8_RTg

 

 

 logo vetor associacao brasileira produtor industria cafe agro agricultura

www.abic.com.br

Fundada em 12 de março de 1973, a Associação Brasileira da Indústria de Café – ABIC – representa as indústrias de torrefação e moagem de café de todo o país.

Foi criada por decisão de representantes dos Sindicatos das Indústrias de Café de diversos estados que viram na formação de uma entidade nacional uma melhor forma de negociar com o governo o estabelecimento de políticas de real interesse do setor apoiada pela união de forças.

O objetivo principal da ABIC é representar, desenvolver e fortalecer a indústria brasileira de café e ela se dedica à visão de ser reconhecida nacional e internacionalmente como a instituição articuladora e integradora da cadeia de valor do café com iniciativas inovadoras de estímulo ao consumo.

 

 

 logomarca cooperativa produtor cafe soluvel agro industrial

www.abics.com.br

A Abics (Associação Brasileira da Indústria do Café Solúvel) foi instituída em 1972 para representar institucionalmente a indústria de café solúvel do Brasil.

A associação trabalha com foco na expansão de mercados para o solúvel brasileiro, além de mobilizar esforços para a melhoria de qualidade, sustentabilidade e inovação tecnológica do setor, tendo por base articulação estratégica e engajamento político a fim de defender proativamente os interesses da indústria.

A associação representa uma indústria moderna, organizada e de grande relevância nacional e internacional. Graças à atuação competente destas empresas, o Brasil segue como líder mundial de produção e exportação de café solúvel desde os anos 60.

 

 

logotipo associacao produtor agua mineral industria

www.abinam.com.br

A ABINAM - Associação Brasileira da Indústria de Águas Minerais é uma entidade civil sem fins lucrativos, criada para congregar e defender os interesses das indústrias brasileiras de água mineral.

A associação foi constituída em 7 de novembro de 1947, no Rio de Janeiro, com a denominação de Associação Profissional da Indústria de Águas Minerais. Em 25 de novembro de 1975 assumiu a atual nomenclatura.

Ao longo da sua existência, a ABINAM tem oferecido uma grande contribuição ao desenvolvimento técnico da indústria brasileira de águas minerais, cujos padrões de produção e qualidade se igualam hoje aos dos países mais avançados do mundo. Na última década, a promoção de seminários técnicos e a regularidade de realização do congresso anual da ABINAM, sempre com a participação de especialistas estrangeiros, asseguraram a disseminação interna de informações e conhecimentos essenciais à modernização da nossa indústria. Os congressos tiveram também o mérito de estreitar o relacionamento entre as indústrias e seus fornecedores de equipamentos e serviços, resultando em amplos benefícios comuns.

 

 logomarca associacao brasileira industria bebida

www.abir.org.br

Com sede em Brasília, Distrito Federal, a Associação Brasileira das Indústrias de Refrigerantes e de Bebidas não Alcoólicas (ABIR) tem como um de seus objetivos garantir a prosperidade do setor, assim como cooperar e participar como membro ativo de associações congêneres de setores econômicos correlacionados para produzir dados estatísticos, técnicos, econômicos, educacionais e quaisquer outros referentes à produção de bebidas não alcoólicas.

A ABIR foi fundada em 26 de outubro de 1950, no Rio de Janeiro, sob a razão social Associação dos Industriais de Bebidas Refrigerantes, mas adiante englobando todos os tipos de bebidas não alcoólicas. Reúne empresas fabricantes de diversos produtos, tais como refrigerantes, sucos, néctares, refrescos, bebidas mistas, achocolatados, chás, isotônicos, energéticos, águas minerais, águas adicionadas de sais e água de coco com instalações industriais no Brasil.

 

 logo vetor associacao brasileira produtor industria bebida agro

www.abrabe.org.br

A Associação Brasileira de Bebidas – ABRABE trabalha desde 1974 pelos interesses setoriais de fabricantes e importadores de bebidas no Brasil. É a entidade que reúne todas as categorias de bebidas alcoólicas: destilados, cachaça, cerveja e vinhos.

 

 logotipo associacao fabricante refrigerante brasil industria alimenticia

www.afrebras.org.br

No ano de 2005, em busca de um cenário mais justo para o setor de bebidas no Brasil, os fabricantes dea refrigerantes nacionais reuniram-se em Curitiba (PR). A mobilização foi de suma importância na luta contra o oligopólio de mercado do setor, o qual se mantém nas mãos de apenas três grandes corporações de bebidas. Desta reunião, surgiu a Afrebras (Associação dos Fabricantes de Refrigerantes do Brasil), que, desde então, vem sendo a voz dos fabricantes de refrigerantes nacionais no setor de bebidas.

 

logomarca abitrigo associacao industria trigo

www.abitrigo.com.br

A Associação Brasileira da Indústria do Trigo representa a indústria nacional de moagem de trigo e defende os interesses do setor e o fortalecimento de toda a cadeia de produção.

Desde 1990, se dedica a reestruturar e integrar toda a cadeia produtiva do trigo no Brasil, estimulando as melhores práticas, compartilhando conhecimento e gerando ainda mais valor para a agricultura.

A farinha de trigo é matéria-prima base para a produção de alimentos essenciais para a população, como pães, macarrão, biscoitos, bolos, entre outros. Está presente em 100% dos lares brasileiros e seu grau de consumo é um dos balizadores da economia nacional. É saudável e essencial para a nossa saúde. Os alimentos à base de trigo são nossas principais fontes de energia.

logotipo abrafrigo frigorificos carne brasil

www.abrafrigo.com.br

A Associação Brasileira de Frigoríficos – ABRAFRIGO é uma entidade de âmbito nacional que tem por objetivo representar os interesses dos frigoríficos de carne bovina. A sede social fica em Curitiba-PR e tem representação em Brasilia. Atua em vários setores que são afetos à indústria frigorífica, tais como: comércio internacional, legislação sanitária, de meio-ambiente, relações do trabalho, tecnologia e inovações, bem como monitora permanentemente a edição de leis, Instruções Normativas, decretos, memorandos e todos os demais temas que tratam, direta ou indiretamente, da cadeia produtiva da pecuária de corte nacional, oriundos das três esferas de poder : Executivo, Legislativo e Judiciário.

A ABRAFRIGO, além das indústrias diretamente filiadas, também engloba diversos Sindicatos de Indústrias Estaduais que fazem parte do seu quadro de associados.

logotipo associacao brasileira industria alimentos

www.abia.org.br/

A ABIA, Associação Brasileira da Indústria de Alimentos, é a maior representante do setor. A sua missão é promover o desenvolvimento sustentável da indústria brasileira de alimentos, por meio do diálogo, ciência e inovação, com respeito ao consumidor e em harmonia com a sociedade.

O que define a visão da ABIA é ser a referência institucional e técnica na promoção e representação da indústria brasileira de alimentos. Assista o video da ABIA: www.youtube.com/watch?v=tVTyfJUn_fM

 logomarca abiec 40 anos

www.abiec.com.br

A Associação Brasileira das Indústrias Exportadoras de Carnes (ABIEC) é hoje um dos principais exemplos da importância e da força do associativismo no contexto global. A ABIEC congrega, coordena, representa e defende os interesses das indústrias exportadoras de carnes industrializadas e "in natura" de todo o país, promovendo estudos e buscando soluções para os problemas gerais e específicos da classe junto a órgãos públicos ou privados.

 

 logotipo industria brasileira de arvores

www.iba.org

A Indústria Brasileira de Árvores (Ibá) é a associação responsável pela representação institucional da cadeia produtiva de árvores plantadas, do campo à indústria, junto a seus principais públicos de interesse.

Com o objetivo de valorizar os produtos originários dos cultivos de pinus e eucalipto e demais espécies plantadas para fins industriais, a Ibá atua em defesa dos interesses do setor junto a autoridades e órgãos governamentais, entidades da cadeia produtiva de árvores plantadas e importantes setores a economia, organizações socioambientais, universidades, escolas, consumidores e imprensa – tanto nacional como internacionalmente.

Lançada em abril de 2014, a entidade representa as 48 empresas e 10 entidades estaduais de produtos originários do cultivo de árvores plantadas, com destaque para painéis de madeira, pisos laminados, celulose, papel, florestas energéticas e biomassa, além dos produtores independentes de árvores plantadas e investidores financeiros.

Com sede em Brasília (DF) e escritório em São Paulo, a Ibá reúne as empresas que participavam da Associação Brasileira da Indústria de Painéis de Madeira (Abipa), da Associação Brasileira da Indústria de Piso Laminado de Alta Resistência (Abiplar), da Associação Brasileira dos Produtores de Florestas Plantadas (ABRAF) e da Associação Brasileira de Celulose e Papel (Bracelpa).

A missão da Ibá está alicerçada na certeza de que a árvore plantada é o futuro das matérias-primas renováveis, recicláveis e amigáveis ao ambiente, à biodiversidade e à vida humana.

www.youtube.com/watch?v=8zlYrhAnKtA

logomarca abtcp celulose

www.abtcp.org.br

A ABTCP – Associação Brasileira Técnica de Celulose e Papel – é uma entidade comprometida com o desenvolvimento técnico dos profissionais da cadeia produtiva do setor de base florestal e com a evolução da competitividade das empresas atuantes neste segmento. É uma das instituições técnicas mais respeitadas do mundo em sua área de atuação, tendo conquistado título de OSCIP - Organização da Sociedade Civil de Interesse Público –, pela comprovação do valor gerado em capacitação e informação de alto nível ao mercado.

Assista ao vídeo comemorativo dos 50 anos da ABTCP www.youtube.com/watch?v=SOdgYB4cxCA

 logomarca abimci madeira

www.abimci.com.br

A Associação Brasileira da Indústria de Madeira Processada Mecanicamente (Abimci), fundada em 18 de julho de 1972, representa a indústria brasileira de madeira sólida, em vários segmentos de produtos, como compensados, madeira serrada, pisos, molduras, portas, entre outros.

Seu foco de atuação é na defesa de interesse do setor nas esferas política, comercial e institucional, resultando em uma série de ações que envolvem a promoção do produto de madeira brasileiro, o fortalecimento e a representatividade institucional, incluindo atividades técnicas e de estímulo à melhoria da qualidade e de certificação de produtos.

A entidade é a principal fonte de informações para organismos governamentais brasileiros e estrangeiros, sendo referência para a imprensa, universidades e outras entidades setoriais.

https://www.youtube.com/watch?v=iDSTspWaQ3w

logotipo aprobio biocombustiveis agricultura produtores

www.aprobio.com.br

A Associação dos Produtores de Biocombustíveis do Brasil (APROBIO) é uma entidade de representação corporativa e institucional dos produtores de biocombustíveis do país e de disseminação de conhecimento, pesquisa e informação sobre as fontes alternativas de energia em substituição aos combustíveis fósseis.

Fundada em junho de 2011, tem como associadas as empresas de capital nacional que atuam no setor de produção de biodiesel e outros biocombustíveis. A APROBIO pauta suas ações de modo a disseminar os benefícios econômicos, sociais e ambientais das fontes de energia alternativas para uso no setor de transportes e afins.

https://www.youtube.com/watch?v=DSDS4EuDe_g

logomarca abiove industria oleo vegetal

www.abiove.org.br

Fundada em 1981, a Associação Brasileira das Indústrias de Óleos Vegetais (ABIOVE) representa 14 empresas produtoras de farelo, óleos vegetais e biodiesel, coopera na execução das políticas do setor, promove programas de sustentabilidade e gera estatísticas utilizadas em estudos setoriais.

logomarca ubrabio biodiesel

www.ubrabio.com.br

A União Brasileira do Biodiesel e Bioquerosene (Ubrabio) é uma associação sem fins econômicos que representa nacionalmente toda a cadeia produtiva desses biocombustíveis. Desde sua criação, em 2007, a entidade lidera o segmento e atua como interlocutora entre sociedade e governo para mobilizar e unir esforços, recursos e conhecimentos na busca pelo desenvolvimento do setor.

logomarca inpa amazonia pesquisas

http://portal.inpa.gov.br

Criado em 1952 e implementado em 1954 - o Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia (INPA) - ao longo dos anos, vem realizando estudos científicos do meio físico e das condições de vida da região amazônica para promover o bem-estar humano e o desenvolvimento sócio-econômico regional. Atualmente, o INPA é referência mundial em Biologia Tropical.

Os primeiros anos do INPA foram caracterizados pela por pesquisas, levantamentos e inventários de fauna e de flora. Hoje, o desafio é expandir de forma sustentável o uso dos recursos naturais da Amazônia.

O INPA ainda possui quatro núcleos de pesquisas localizados nos Estados do Acre, Roraima, Pará e Rondônia.

logotipo incra instituto reforma agraria

www.incra.gov.br

O Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra) é uma autarquia federal, cuja missão prioritária é executar a reforma agrária e realizar o ordenamento fundiário nacional.

Criado pelo Decreto nº 1.110, de 9 de julho de 1970, atualmente o Incra está implantado em todo o território nacional por meio de 30 superintendências regionais.

 

logomarca abiq queijo produtor rural

www.abiq.com.br

A ABIQ Associação Brasileira das Indústrias de Queijo, fundada em 15 de março de 1988, nasceu da união de queijeiros determinados a defender os direitos do setor produtivo de queijos junto aos órgãos federais de controle de preços e de outras severas regulamentações vigentes à época do tabelamento de preços.

No seu trabalho contínuo e dedicado, a ABIQ permanece como entidade atuante e atualizada sobre as mais diversas demandas do setor queijeiro, presente e relevante em todos os fóruns que impactam na atividade do setor. É membro permanente da Câmara Setorial do Leite, órgão de Assessoria do MAPA Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento.

logotipo vetorizado abimilho agricultura milho brasil

www.abimilho.com.br

A Associação Brasileira das Indústrias do Milho (Abimilho) nasceu no dia 17 de outubro de 1977, quando um grupo de empresas decidiu somar forças para defender os interesses do setor. Nascia, assim, a Associação das Indústrias Moageiras de Milho do Estado do Paraná - o embrião da (Abimilho).

Com o tempo, a entidade foi ganhando corpo e novas adesões, levando à constituição da Associação Brasileira das Indústrias Moageiras de Milho, em agosto de 1990. Conquistando cada vez mais espaço e adesões de outros elos da cadeia produtiva do milho, a entidade promoveu nova mudança de sua denominação, em dezembro de 2003, para Associação Brasileira das Indústrias do Milho (Abimilho), de forma a expressar melhor sua representatividade no setor.

As mudanças de nome da associação refletem bem sua dinâmica história, pautada pela intransigente defesa das empresas do setor nestes trinta anos de conquistas.

 

 

logotipo anda adubos nacional agro

www.anda.org.br

Associação Nacional para Difusão de Adubos

Na década de 1960 apenas 30% das áreas cultivadas no Brasil usavam adubação. A média não passava de 18 quilos por hectare. Foi então que catorze empresas se juntaram para criar e sustentar financeiramente a Associação Nacional para Difusão de Adubos (Anda).

Fundada em 13 de abril de 1967, no Nacional Clube, no bairro do Pacaembu em São Paulo, a Anda tinha a missão específica de convencer os agricultores do custo-benefício dos fertilizantes. Uma ação pioneira de marketing institucional na agricultura.

 

 logotipo associacao produtor rural industria fruta tropical

www.astn.org.br

A Associação das Industrias Processadoras de Frutos Tropicais – ASTN, sociedade civil sem fins lucrativos, é constituída por empresas estabelecidas no Brasil. Criada em 1982, a ASTN tem por finalidade a defesa de interesse comuns da Indústria de Sucos e Conservas de Frutos Tropicais, bem como o seu desenvolvimento.

Entre seus objetivos destacam-se a realização de estudos na área de tecnologia de produção e mercadologia; a expansão do consumo para seus produtos, a racionalização dos métodos de cultivo, colheita e plantio de fruteiras tropicais; a difusão da imagem de suas atividades e produtos.

Desta maneira, a ASTN realiza o papel fundamental de compatibilizar interesses comuns visando ao crescimento do segmento agroindustrial nordestino e proporcionando sua integração com o setor primário.

O empresário privado, através da ASTN, junta-se aos orgãos dos Governos Federal, Estadual e Municipal para conquistar o crescimento do setor agroindustrial, com a consequente geração de empregos e desenvolvimento da região.

Desde a sua criação, ASTN vem atingindo seus objetivos, defendendo os interesses de suas empresas associadas, expandindo o mercado e promovendo a integração da indústria de sucos tropicais no Brasil.

www.leitebrasil.org.br

A Associação Brasileira dos Produtores de Leite, nome fantasia Leite Brasil, é uma entidade de classe de representação nacional dos produtores de leite, fundada em 1997 em São Paulo. Sucessora da Associação Brasileira dos Produtores de Leite B, fundada em 1972, tem como objetivos defender institucionalmente os produtores de leite nas esferas pública e privada, nacional e internacional, mediando conflitos e estabelecendo diretrizes que valorizem a atividade e o produto leite.

Suas metas prioritárias são melhorar a qualidade do leite, fomentar o consumo, proteger o mercado brasileiro, fazer marketing, defender o produtor formal e aumentar o quadro associativo. A fundação da Leite Brasil decorreu da necessidade de se organizar uma entidade moderna, contemporânea e plenamente capacitada para enfrentar as grandes transformações que estão ocorrendo no mundo.

logomarca sociedade embrioes animal rural brasil

www.sbte.org.br

A Sociedade Brasileira de Tecnologia de Embriões (SBTE), fundada em 18 de julho de 1985, em Brasília, DF, é uma sociedade civil, sem fins lucrativos, que congrega profissionais graduados vinculados principalmente à área de tecnologia de embriões.

Os membros da sociedade estão envolvidos em diversas biotecnologias reprodutivas, na prática da manipulação e da produção de embriões em diversas espécies animais e na pesquisa sobre produção de embriões, transgênese, clonagem, regulação do desenvolvimento embrionário e sobrevivência pós-transferência de embriões. Os estudos são direcionados aos bovinos, pequenos ruminantes, suínos, equinos, bem como aos animais de companhia, às espécies de laboratório e às ameaçadas de extinção.

 

logotipo associacao produtor rural amendoim agronegocio fazenda

www.abicab.org.br

A ABICAB representa os principais fabricantes de Chocolate, Amendoim e Balas junto às esferas pública e privada, no Brasil. A indústria brasileira nestes setores fatura cerca de R$ 26,4 bilhões e gera mais de 42 mil empregos diretos. A entidade representa atualmente 92% do mercado de Chocolates, 93% do mercado de Balas & Gomas e 62% do mercado de Amendoim.

Fundada em 1957, a ABICAB foi criada como uma entidade dedicada às indústrias de chocolate no Brasil. Em 1990, agregou-se a ela o setor de balas, e em 2001 as indústrias de amendoim, tornando-se a ABICAB – Associação Brasileira das Indústrias de Chocolate, Amendoim e Balas.


 

logomarca associacao nacional produtor cacau fazenda agroAssociação das Indústrias Processadoras de Cacau

Nos últimos anos, o mercado do cacau vem ganhando novo fôlego. Diante dos desafios e oportunidades de crescimento que esse segmento apresenta, as principais indústrias moageiras de cacau viram a necessidade de criar uma entidade que pudesse trabalhar pelo setor. Assim, nasceu em 2004 a Associação das Indústrias Processadoras de Cacau (AIPC), com o intuito de ampliar as discussões e fomentar o trabalho de desenvolvimento de toda a cadeia de valor.

Juntas, as empresas Barry Callebaut, Cargill e Olam, compõem o conselho diretor da entidade e respondem por aproximadamente 97% da compra e moagem do cacau no Brasil. O setor representa mais de 4.000 empregos diretos e indiretos e é um dos elos de uma cadeia de mais de 120 mil pessoas, incluindo produtores rurais e indústrias de chocolate. No total, é estimado que esse setor represente R$ 23 bilhões anuais de valor gerado ao país.

  


Página atualizada na Agência EVEF por Everton Ferretti em 08/08/2020
Os desenhos de logotipo exibidos nesse artigo foram criados por outras agências e estúdios de design, mas resolvemos exibir eles aqui devido ao ótimo trabalho realizado pelos nossos colegas de profissão (desenhistas gráficos). Essas marcas possuem direitos autorais e o uso comercial delas deve ser gerenciado diretamente com cada titular de direito de marca separadamente. Essa agência não comercializa nenhum serviço referente a essas marcas exibidas nesse artigo, esse artigo tem apenas a função didática para ilustrar o trabalho do designer gráfico.